Telefones: 843890558 / 823001102
info@cncs.gov.mz
Nótícia

Lançado relatório Global sobre o SIDA 2021

3 de Agosto de 2021

A ONUSIDA lançou recentemente em Genebra, na Suiça, o relatório Global sobre o SIDA 2021 “Enfrentando Desigualdades – Aprendizados dos 40 anos de Respostas a pandemia do SIDA”.  O documento traz evidências de que as pessoas vivendo com HIV são mais vulneráveis à COVID-19, ao mesmo tempo em que indica que as desigualdades cada vez maiores impedem essas pessoas de poder aceder as vacinas contra a COVID-19 e os serviços de HIV.

Estudos realizados na Inglaterra e na África do Sul indicam que a chance de morrer por consequência da COVID-19 entre as pessoas vivendo com HIV é o dobro da população em geral. Na África Subsaariana, onde residem dois terços (67%) das pessoas vivendo com HIV, menos de 3% receberam pelo menos a primeira dose da vacina contra a COVID-19 até julho de 2021. Ao mesmo tempo, devido a pandemia da COVID-19, a prevenção do HIV e os serviços de tratamento não estão a ser acessados pelas populações-chave, bem como crianças e adolescentes. 

O novo relatório da ONUSIDA mostra como os “lockdowns” e outras medidas restritivas de combate à COVID-19 interromperam gravemente a testagem para HIV - em muitos países, isso levou a quedas acentuadas nos diagnósticos e encaminhamentos para serviços de cuidados e de início de tratamento de HIV.

Estimativas globais do HIV

O relatório da ONUSIDA mostra que a nível Global, em 2020 (1,5 milhão de novas infecções por HIV) ocorreram predominantemente entre as populações-chave, seus parceiros e suas parceiras sexuais (mulheres trans, profissionais do sexo, gays e outros homens que fazem sexo com homens e pessoas que usam drogas, e parceiros e parceiras sexuais dessas populações-chave), o que corresponde a 65% das infecções por HIV em todo o mundo no ano de 2020.

O relatório mostra que muitos dos 19 países que alcançaram as metas 90–90–90 até 2020 são líderes na prestação de serviços diferenciados, nos quais a existência de estrutura pública de atendimento é complementada por serviços liderados pela comunidade.

A expansão de serviços de testagem e o tratamento do HIV aumentaram massivamente nos últimos 20 anos. Cerca de 27,4 milhões das 37,7 milhões de pessoas vivendo com HIV estavam em tratamento em 2020. No entanto, as lacunas na prestação de serviços são muito maiores para as crianças do que para os adultos. Em 2020, aproximadamente de 800 mil crianças vivendo com HIV, dos 0 a 14 anos, não estavam em tratamento para o HIV. A cobertura do tratamento era de 74% para pessoas adultas, mas apenas 54% para crianças. Muitas crianças não foram testadas para HIV no nascimento e permanecem sem saber de sua condição, o que aumenta o desafio de encontrá-las e prover o tratamento necessário.

HIV e Desigualdades

O relatório Enfrentando desigualdades também mostra que as mulheres e raparigas na África subsaariana continuam sendo mais expostas ao risco de infecção por HIV, principalmente em função da desigualdade de gênero e a violência baseada no gênero. As desigualdades de gênero e a violência baseada no gênero privam as mulheres e meninas de poderem aceder aos seus direitos humanos fundamentais, incluindo o direito à educação, saúde e oportunidades económicas. Essas privações aumentam o risco de infecção por HIV e limita o acesso a serviços. Na África subsaariana, as raparigas e mulheres jovens representam 25% de todas as novas infecções por HIV apesar de representarem apenas 10% da população.

A Directora Executiva da ONUSIDA, Winnie Byanyima, afirmou na nota de imprensa por ocasião do lançamento do relatório que: “Estamos há 40 anos trabalhando para acabar com a pandemia do SIDA, tanto os sucessos, como os fracassos, nos ensinaram que não podemos nos preparar ou derrotar uma pandemia a menos que eliminemos as desigualdades, que façamos abordagens centradas nas pessoas e baseadas nos direitos e trabalhemos em conjunto com as comunidades para alcançar todas pessoas que precisam”.

Para baixar o relatório clique neste link: https://www.unaids.org/en/resources/presscentre/pressreleaseandstatementarchive/2021/july/20210714_global-aids-update

Avenida 25 de Setembro, nº 1008, 8º andar - Maputo, Moçambique
Telefones: 843890558 / 823001102
E-mail: info@cncs.gov.mz
© 2022
 CNCS – Conselho Nacional de Combate ao HIV/SIDA Todos Direitos Reservados
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram